Teatro Luís de Camões ganha Prémio de Reabilitação Urbana

13 de Maio, 2019

Notícia por Visão.

“Foi palco de espetáculos de ópera no reinado de D. João V, chegou a ser usado mais tarde como celeiro, recuperou dignidade em 1880 já como Teatro Luís de Camões (com a reabertura nos 300 anos do nascimento do poeta) e acolheu durante anos uma coletividade cultural até encerrar por questões de segurança devido ao estado de degradação. No ano passado, depois de cuidada obra de reabilitação assinada pela prestigiada dupla Manuel Graça Dias (recentemente falecido) e Egas José Vieira, o Teatro – agora conhecido como LUCA (Lugar para as Crianças e Jovens e para as Artes) por estar orientado para espetáculos juvenis – reabriu renovado a iluminar a Calçada da Ajuda com o seu estilo neoclássico num registo de “teatro à italiana”.

O equipamento viu agora reconhecido o cuidado trabalho de reabilitação feito ao vencer o Prémio Nacional de Reabilitação Urbana 2019 na categoria “Cidade de Lisboa” e na do “Impacto Social”.

O galardão, co-organizado pela Vida Imobiliária e pela Promevi, acolheu ainda mais oito categorias (ver lista completa abaixo) na área residencial, escritórios e restauro, entre outros.

Os 10 eleitos foram escolhidos entre 80 projetos num total de 213 mil m2 de área de intervenção distribuída por 20 concelhos de Norte a Sul do país.

Lisboa acolhe os melhores projetos nas áreas de impacto social, residencial, restauro, reabilitação estrutural e eficiência energética. Para o Porto foram os prémios de turismo e intervenção com menos de 1.000 m2, enquanto Coimbra foi distinguida com o melhor projeto de serviços&comércio. Além destas categorias, foram ainda distinguidos o melhor projeto no contexto de Lisboa e o melhor no contexto do Porto.”

PARTILHAR ESTA NOTÍCIA

voltar

Arquivo

Artigos Relacionados